Páginas

quarta-feira, 19 de novembro de 2014

PREFEITO LANÇA NOTA FALTANDO COM A VERDADE

O Prefeito de Videira, diante da repercussão da notícia de que foi o responsável pela ampliação do Distrito de Anta Gorda, desaparecendo com vários bairros de Videira (SC), emitiu nota  (leia aquiadmitindo que criou a Lei n. 2513/2011 (leia aqui), justificando que ela servia para a expansão de loteamentos residenciais e industriais, no interesse do desenvolvimento de Videira.

Nada mais falso, afirma o Vereador.

Para isso, basta ler a justificativa apresentada pelo Prefeito para criar a citada lei, cuja cópia segue abaixo.

Ali, é possível perceber que longe de buscar a expansão de loteamentos industriais ou residenciais, o Prefeito procurou intrometer-se na área que cada cartório de Videira deveria atuar,  o que é de responsabilidade do Tribunal de Justiça de Santa Catarina.

O Vereador ainda entendeu risível a alegação de que esta ocioso atuando apenas no cargo de Vereador. Para PAESE, um vereador que atua integralmente no cargo, sem outras atividades, parece corresponder aos anseios da sociedade.

Além disso, apontou que quem parece não saber o que fala é o Prefeito. 

PAESE, que tem formação jurídica, com larga experiência na área,  diz que o direito administrativo, ensina que distritos e bairros são espécies de divisão administrativa de um município, ou é um ou é outro, explica. Por isso, uma vez que se optou por distrito, desaparecem os bairros. 

Finalizou apontando que exerce fielmente seu mandato, como provam suas ações, em parte retratadas neste site, fiscalizando todo ato da Prefeitura que não atenda o interesse público, o que é o papel principal de todo vereador, goste ou não o Prefeito. 

Se quiser administrar, terá que obedecer a Lei e agir com ética,  pois somente assim o desenvolvimento da cidade será para todos e não apenas para alguns, afirma Paese.




6 comentários:

  1. sendo assim esses bairros passam a ser área rural, ou o distrito de Anta Gorda era área urbana?

    ResponderExcluir
  2. Gostaria mesmo de saber, pois se é área rural devemos então pagar IPTU?

    ResponderExcluir
  3. Gostaria mesmo de saber. se pertencemos ao distrito de Anta Gorda seria área rural e o imposto cobrado em área rural é IPTU?

    ResponderExcluir
  4. A justificativa do Sr. Prefeito não tem lógica. O que a expansão de loteamentos tem a ver com a extensão do Distrito? Uma coisa não interfere nem influencia outra. Foram apenas belas palavras utilizadas pelo nosso Prefeito para esconder a verdade. Não vamos nos deixar levar por esta justificativa tão medíocre.

    ResponderExcluir
  5. Quase na hora de emancipar o distrito então? População grande já tem.

    ResponderExcluir
  6. cheirando pilantragem...

    ResponderExcluir