Páginas

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

WILSON PAESE É RECEBIDO PELA PRESIDENTE DA ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DE LISBOA






Em audiência realizada com a Presidente da Assembléia Municipal de Lisboa, Maria Helena Roseta, o Vereador WILSON PAESE iniciou a construção de um diálogo para conhecer a estrutura/funcionamento do Poder Legislativo Municipal de Lisboa e, principalmente, políticas públicas concretas de relevância que possam ser futuramente discutidas no Município de Videira.

O encontro, após conhecer as instalações da Assembléia, foi realizado no Gabinete da Presidente, ocasião em que o Vereador pode apresentar os contornos gerais da pesquisa que pretende realizar.

Antes de mais nada, PAESE destaca que em Portugal o legislativo municipal denomina-se Assembléia Municipal, composta por representantes eleitos diretamente pelo povo. Já o Poder Executivo Municipal é denominado de Câmara Municipal, a qual é gerida por inúmeros eleitos, sob a presidência do mais votado.

Dentre as diversas questões abordadas, o Parlamentar conheceu, inicialmente, ações afetas a fiscalização e transparência dos atos do Executivo e medidas para regular de forma impessoal e isonômica a concessão de recursos públicos para entidades privadas. 

Além disso, obteve acesso a programas de democracia participativa, com auxílio de pequena quantidade de recursos públicos, que permitem a diversos bairros desenvolverem projetos sociais nas mais diversas áreas.

Percebe-se que as estratégias e programas são implantados com enorme planejamento e acuidade técnica, evitando a prática, com dinheiro do povo, de soluções mágicas ou baseadas em "achismos" e mero "marketing" do Administrador, conforme estamos acostumados a ver nos últimos anos em Videira, avalia PAESE.

Para o Legislador, a primeira reunião já serviu para averiguar que a concessão de subvenções em Videira não segue um modelo republicano e impessoal. Precisamos aperfeiçoar e mudar radicalmente o modelo implantado. Os resultados que percebi com esta mudança de postura são positivamente impressionantes. Tão logo retorne, pretendo apresentar um esboço do que estou referindo para discussão no Parlamento, afirma.

Ao final do diálogo, o Vereador recebeu extenso material para pesquisa, e agendou nova reunião com o corpo técnico da Assembléia para os próximos dias.


Na semana que vem, o Vereador irá expor sobre importante projeto Europeu de segurança pública que tomou conhecimento no curso que desenvolve, voltado para os municípios, que de forma simples, pode contribuir significativamente na prevenção de infrações penais.

Por fim, PAESE lamentou que a maioria dos vereadores não tenha alcançado a importância da missão que desempenha, ao votarem contrariamente a sua viagem. Entender que o conhecimento e a cultura não são importantes para desempenhar o papel do vereador realmente é algo assustador, ressalta. 








Nenhum comentário:

Postar um comentário